Arquivo da tag: viagem

Comprando Acessórios: Onde Ir?

Buy Buy Baby

Se você quer encontrar tudo o que procura em termos de acessórios, não pode deixar de ir na Buy Buy Baby. Tem simplesmente tuuuuudo! Carrinhos, cadeirinhas para o carro, mamadeiras, esterilizadores, babás eletrônicas, bombas de tirar leite, cadeirinhas para alimentação, brinquedos, chupetas, pomadas para os seios, cremes para assaduras, roupinhas e o que mais vocês possam imaginar.

São lojas muito grandes, divididas em departamentos. O atendimento é muito bom, normalmente você poderá contar com um vendedor (ou vendedora) à disposição em cada seção. Esses vendedores orientam nas compras, tiram dúvidas e às vezes até empurram o carrinho pra você. Peça ajuda a um deles logo que entrar na loja! É muito fácil se perder nessa loja, pois somos bombardeados por uma variedade extraordinária de

Buy Buy Baby

produtos e o impulso  nos faz querer levar tudo. Mesmo com a lista de compras em mãos ficamos um pouco atordoados com tanta coisa bacana. Colheres de silicone que mudam de cor pra avisar que a papinha está quente demais, babás eletrônicas de última geração, com câmeras que se movem, chupetas com carinhas de bichinhos, bicos de mamadeiras com furos especiais, enfim, é muito de tudo! Então olhamos para algo e pensamos: “poxa, eu não coloquei isso na lista porque nem sabia que isso existia”!

Reserve um turno para cada loja de acessórios. Menos do que isso é pouco e vocês poderão perder boas oportunidades. Outra dica é que os preços dessa loja são muito parecidos com os das outras. Alguns produtos um pouquinho mais barato, outros um pouquinho mais caro e muitos com o preço exatamente igual. Talvez vocês, assim como nós fizemos, sintam vontade de comprar logo tudo lá, deixando para as outras apenas aquilo que não tiverem encontrado.

Quando fomos, escolhemos a 8241 West Flagler St por ser a mais próxima do hotel. Aproveitamos e almoçamos no Outback que tem logo ao lado e seguimos para a Babies’R Us.

Olha, sinceramente, as pessoas falam muito da Babies’R Us, mas nós não achamos isso tudo não. Ficamos gratos por termos comprado logo quase tudo na Buy Buy Baby, porque na Babies’R Us estava faltando muita coisa! Além disso, o atendimento não era muito

Babies'R Us

bom, os vendedores não nos davam muita atenção. E a loja não era tão organizada. De qualquer forma, foi muito bom termos ido lá de tarde, porque encontramos algumas coisas que estavam faltando na loja anterior. E isso inclui a bendita Mustela (o melhor creme para estrias que existe!!!).

Uma dica para aproveitar melhor a Babies’R Us é ir em uma loja que não seja vinculada à Toys’R Us, loja de brinquedos do mesmo grupo. A maioria das lojas da Babies é vinculada a uma Toys’R Us, mas em Miami podemos encontrar lojas “single“.

Bom, essas duas são as principais, mas existem outras também. Tem a Genius Jones, focada em produtos grifados, ou seja, mais sofisticados. Tem a Baby Love também, que fica mais afastada de Miami, próxima ao Sawgrass Mills, que é considerado o melhor outlet da Florida. Mas se o tempo de vocês estiver apertado, podem ir apenas na Buy Buy Baby e na Babies’R Us mesmo que já é suficiente. Pequenos supermercados como o CVS e Walgreens, assim como os grandes como o Target, Wal Mart e K-Mart também têm uma infinidade de acessórios para os pequenos, e podem ser usados pra comprar aquelas coisinhas que faltaram, afinal tem sempre um desses por perto.

Antes de viajar, acesse o site dessas duas lojas (www.buybuybaby.com e www.babiesrus.com) para pesquisar os produtos e os preços. Coloque na sua lista o nome da loja onde comprará cada um dos ítens escolhidos. Assim você poderá organizar melhor seu roteiro, apesar de que… como os preços são quase os mesmos e vocês correm o risco de não encontrarem alguns produtos em alguma das lojas, acaba valendo à pena comprar tudo o que vocês encontrarem logo na primeira loja (a menos que a diferênça de preço em relação à loja mais barata esteja absurda!).

Outra coisa, não precisa comprar as roupinhas nessas lojas. Nos outlets tem uma variedade bem maior e muitas vezes com preços menores. A não ser que você encontre algo que tinha visto no site e queira muito. Aí vale à pena, pois corre o risco de não encontrar nos outlets. Mas não se deixe enlouquecer!!!

É bom saber que nos sites eles possuem muito mais opções de produtos, modelos e cores (principalmente em relação aos carrinhos). Alguns só estão disponíveis para compra via internet. Você pode encomendar alguns ítens para retirada na loja ou pode pedir pra entregarem no hotel, mas deve fazer isso com pelo menos 1 semana de antecedência.

Endereços em Miami

As duas lojas ficam muito próximas uma da outra!

Endereço – GPS
8241 West Flagler St,
Miami, FL 33144
(305) 266-5324 ‎

.

Endereço – GPS
8755 SW 24th Street,
Miami, FL 33165
(305) 226-8334 ‎

.

Endereço – GPS
49 NE 39th Street
Miami, FL 33137
(305) 571-2000

.

Endereço – GPS
8100 W. Oakland Park Blvd.
Sunrise, FL 33351
(954) 741-2227

Planejando a Viagem


Alguém já te disse que viajar para os Estados Unidos para montar o enxoval para o bebê que está pra chegar é um ótimo negócio? Pois é a mais pura verdade! Especialmente se formos pra Miami! Além de fazermos uma grande economia, compramos produtos de qualidade muito superior à maioria dos encontrados no Brasil. Porém, na hora de programar qualquer compra nos Estados Unidos, é importante que tudo seja muito bem planejado, pra vocês não perderem nenhuma  oportunidade e, ao mesmo tempo, não empreenderem um ritmo pesado demais para a futura mamãe.

O período ideal para fazerem a viagem é no segundo trimestre da gestação (do quarto ao sexto mês). O risco da gravidez ser interrompida diminui bastante e a gestante ainda não sente o desconforto dos últimos meses. Se possível, vale à pena esperar até a 16a semana, quando normalmente já dá pra ver o sexo do bebê. Assim, fica mais fácil direcionar as compras.

De qualquer forma, o primeiro passo é falar com o médico que está acompanhando a gestação. Ele deve primeiramente constatar se a gestante está apta a fazer uma viagem internacional e emitir um atestado autorizando e as prescrições para as medicações que a futura mamãe estará levando. O atestado é muito importante e pode ser solicitado mais de uma vez por autoridades em diversas etapas da viagem. As prescrições também são importantes somente com elas você poderá entrar no país carregando os medicamentos. E como nem sempre encontramos os remédios que queremos lá, temos que levar todos daqui. Mas só viaje se o médico autorizar!

Pronto, viagem autorizada, vamos às providências. Falaremos de forma resumida aqui sobre cada uma e em posts futuros poderemos aprofundar alguns desses temas.

Duração da Viagem

Uma viagem de compras para o bebê em Miami pode ser programada para durar apenas um fim-de-semana (saindo daqui na sexta-feira à noite e saindo de Miami no domingo à noite), ou mais tempo, de acordo com a disponibilidade dos viajantes.

Visto

O visto deve ser providenciado com bastante antecedência, pois em alguns períodos é difícil encontrar datas próximas para agendar a entrevista na embaixada. O primeiro passo aqui é tirar o passaporte, caso não o tenha ou esteja vencido. O documento é tirado na Polícia  Federal e não costuma demorar muito. Como agora a foto é tirada no próprio local onde se solicita o passaporte, convém vestir trajes sóbrios e talvez até relativamente formais. Afinal, é importante causar uma boa impressão ao oficial de imigração que os receberá e olhará os passaportes na chegada aos Estados Unidos.

Com o passaporte em mãos, vocês devem entrar no site Visto EUA (Embaixada dos Estados Unidos) e agendar a entrevista. Vai clicar no link “INFORMAÇÃO E AGENDAMENTO” no menu à esquerda e em seguida seguir as instruções para realizar o pagamento da taxa de informações. Isso mesmo, vocês precisarão pagar uma taxa de R$ 38,00 apenas para obter as informações sobre o agendamento. A taxa deverá ser paga apenas por uma pessoa no caso de casais ou grupos.

Uma vez paga, vocês retornam ao site, clica novamente em “INFORMAÇÃO E AGENDAMENTO” e passa a seguir as instruções. A taxa para o visto de Turismo (B2) é de U$ 140,00 por pessoa e poderá ser paga até a véspera do dia da entrevista.

O processo de obtenção do visto é bastante desgastante para alguns, especialmente devido à quantidade de formulários e informações solicitadas. Nesta etapa, vale à pena pedir a orientação de uma agência de viagens de sua confiança. Ajuda bastante também já estar com passagens compradas e hotel reservado.

No dia da entrevista, levem os exames que comprovam a gravidez, para que vocês tenham preferência e não precisem enfrentar toda a fila.

Passagens

Quanto maior for a antecedência na compra das passagens, melhores os preços e condições de pagamento. Existem algumas companhias que operam vôos regulares para Miami da maior parte das capitais brasileiras.

A Tam acaba tendo algumas vantagens em relação às demais por ser brasileira. Por exemplo, você pode, mediante o pagamento de uma taxa, solicitar um acento preferencial mais à frente da aeronave, onde costuma balançar menos (quando nós fomos era possível fazer isso. consulte a companhia pra saber as condições clicando aqui e escolhendo a melhor forma de entrar em contato). Além disso, as aeromoças costumam oferecer um travesseiro extra para colocar entre a barriga e o cinto de segurança e dar uma atenção especial à futura mamãe. As demais costumam ter um atendimento mais frio e em geral não oferecem tratamento diferenciado às gestantes.

Além disso, muitas companhias americanas não costumam despachar caixas e certamente você precisará fazê-lo. Por fim, se você ou alguém que estiver viajando junto tiver o cartão de fidelidade TAM azul ou superior poderá levar volumes extras no retorno. Acredite, isso será de grande ajuda!

Seguro-Saúde

Se fazer um seguro-saúde em uma viagem internacional já é fundamental pra qualquer pessoa, imaginem quando tem uma grávida na jogada! Consulte o seu cartão de crédito e a sua agência de viagens para saber quais as opções que oferecem melhor cobertura para gestantes. Afinal, a saúde da mamãe e do filhote são a coisa mais importante pra vocês nesse momento. Além disso, os serviços de saúde nos Estados Unidos são caríssimos e podem mandar a economia que a viagem proporcionaria por água abaixo.

Hotel

É importante que o hotel em Miami seja em uma região de fácil acesso para os locais que vocês irão visitar. É complicado dizer que vocês devem ficar próximos às lojas pois muitas delas são relativamente distantes umas das outras.

Uma dica bacana de hotel pra quem não quer gastar muito mas procura um mínimo de qualidade é o Holiday Inn Port of Miami. Fica na Biscayne Boulevard, em frente ao Bayside.

Endereço – GPS
Holiday Inn Port of Miami
340 Biscayne Blvd
Miami, FL 33132, Estados Unidos
Fone: (305) 371-4400

Um detalhe muito importante sobre a reserva do hotel é que o melhor é reservar direto com eles, pelo site ou por telefone. Quando reservamos um hotel nos EUA através de uma agência de turismo, ela costuma cobrar um valor por pessoa. Porém, a maioria dos hotéis americanos possui um preço fixo pela diária do quarto, onde podem ser acomodadas até 4 pessoas. Assim, reservando direto com o hotel sai muito mais barato, pois o preço do quarto é dividido entre os ocupantes. No caso do Holiday Inn citado acima (Port of Miami), você pode solicitar um sofá-cama extra (mediante taxa) e acomodar mais 2 pessoas, totalizando 6 ocupantes.

Vale lembrar que na maioria dos hotéis americanos o café-da-manhã é pago à parte.

Dinheiro

Liberem os limites dos cartões de crédito e não se esqueçam de ligar pro banco pedindo pra liberar compras no exterior. Eles irão perguntar pra onde vocês vão viajar e qual será o período da viagem. Se não fizerem isso, correm o risco de não terem as compras autorizadas.

Reservem de 100 a 150 dólares por pessoa por dia para alimentação. É bom ter sempre algum dinheiro em mãos, por isso levem pelo menos entre 500 e 1.000 dólares por pessoa.

Se você nunca foi aos Estados Unidos poderá se surpreender quando, na hora de pagar suas compras, perceber que os preços mudaram. É que lá o imposto não é colocado no preço do produto, mas é cobrado na hora de pagar. Na Florida, esse imposto é de 7%.

Aluguel do Carro

É muito recomendado que você alugue um carro para rodar por Miami ou por outra cidade norte-americana onde você vá fazer suas compras. Taxis podem sair caro e têm limitação de espaço para vocês carregarem as compras.

A reserva pode ser feita daqui mesmo, via internet. Escolha um carro com capacidade pra carregar bastante bagagem e não abra mão do GPS!

Clique aqui pra saber mais sobre o aluguel de um carro nos Estados Unidos.

Monte Sua Lista de Compras

É fato, quando entramos nas lojas ficamos loucos com tantas novidades bacanas, e é muito fácil perder o controle do tempo e dos gastos. Por isso, é fundamental preparar uma lista de compras organizada, dividida em categorias de produtos, incluindo quantidade e preço de cada ítem.

Acredite, ainda assim é muito fácil se deslumbrar e perder o controle, mas ao menos vocês terão um guia para se apoiarem.

Clique aqui e veja nossas dicas para montar a lista de compras!

Monte Seu Roteiro

Com base na pesquisa que vocês terão feito nos sites das lojas pra montar a lista, é hora de montar o roteiro. É importante levar em conta que vocês terão que aproveitar muito bem o tempo sem sobrecarregar a mamãe. Talvez vocês queiram visitar mais de um shopping em Miami e como as distâncias são muito longas vão precisar estar bem planejados.

Peça ajuda do Google através do Google Maps ou baixando o Google Earth. Marque e salve a localização de todos os locais onde pretendem ir e monte sua rota da maneira que faça com que o tempo seja melhor aproveitado.

Lojas especializadas, como a Buy Buy Baby e a Babies’R Us exigem um turno de permanência em cada. Mas no caso dos Outlets, cada um deles exige um dia inteiro. E não se esqueçam de programar os almoços! Afinal, tem uma grávida (ou mais) no grupo e vocês não vão querer ficar só na base do fast-food 😉 .

Encomendas

Pois é, basta anunciarmos uma viagem internacional para começarem a “chover” telefonemas de amigos e parentes pedindo pra vocês trazerem isso e aquilo. Só que, desta vez, vocês terão que negar. Basicamente por duas razões:

  1. Você terá que se preocupar com a quantidade de volumes e com o peso de cada um deles mo retorno para o Brasil. Acredite, um simples iPod pode fazer a diferença entre vocês pagarem ou não excesso de bagagem;
  2. Seu tempo será limitado e vocês precisarão ter foco se quiserem dar conta de tudo. Você não imagina o tamanho do stress que pode ser causado pelo menor dos desvios…

Leve com você

Além dos documentos (identidade, passaporte, carteira de habilitação…), existem alguns ítens que não podem faltar e devem estar sempre à mão:

  • Imprima e leve endereços dos lugares que vocês irão (hotel, lojas, outlets, restaurantes, parques…). Vocês precisarão para programarem o GPS;
  • E-mail com código de confirmação do aluguel do carro;
  • Roteiro da viagem (agenda) impresso;
  • Lista de compras impressa;
  •  Glossário com os nomes dos principais produtos que vocês irão comprar;
  • Outras páginas deste blog e de outros sites que vocês achem que possam ser úteis;
  • Cupons de descontos das lojas.

Levem tudo isso impresso em uma pastinha que deverá ficar com vocês o tempo todo. Será muito útil!

Essas são apenas algumas dicas para iniciar a sua viagem. Estaremos sempre postando novidades e mais detalhes que você poderá acompanhar através dos temas que ficam no menu lateral direito deste blog. Você pode também se inscrever para receber todas as nossas atualizações. E se tiver dúvidas, sugestões ou dicas, mande pra a gente postando aqui um comentário!