Arquivos da categoria: Afins

Acabou a confusão na hora de comprar roupas e sapatos nos EUA: Conversor de Medidas !!!

conversor de medidas

Gente, acontece muito isso: viajamos para os Estados Unidos para fazermos compras e quando chegamos lá, é uma confusão na hora de escolher os tamanhos das roupas e sapatos que vamos comprar. Sim, é tudo diferente!!! Mas pra não ter mais confusão, fizemos este post, que vai funcionar como um conversor de medidas pra vocês!

Continue lendo

Quer aproveitar a Black Friday pra montar o enxoval do bebê nos EUA?

Então, pessoal, todo ano, na primeira sexta-feira após o feriado de Ação de Graças (Thanksgiving), os varejistas dos EUA realizam um evento conhecido como Black Friday. Nesse dia, eles colocam os preços de tudo lá embaixo (mas é lá em baixo mesmo, não é essa enganação safada que muitas lojas fazem aqui no Brasil – #prontofalei kkkkkkkkkk), para esvaziarem os estoques e renovarem tudo pro Natal. Os americanos enlouquecem, porque os descontos chegam a 70, 80, 90% em todo tipo de produtos que vocês imaginarem. Tanto que tem muitos brasileiros indo pra lá aproveitar. E muita gente quer aproveitar as ofertas e conciliar a data com a viagem pra montar o enxoval do bebê. Este ano, a Black Friday vai acontecer no dia 29/11.  Sinceramente, não sabemos se é uma boa idéia, mas se vocês estão pensando em seguir a tendência e irem pra lá montar o enxoval, é importante ficarem atentos a algumas coisas:

  1. Tenham paciência, a fila da imigração está enorme!!!!
  2. Tenham sempre em mãos garrafinha com água, desde a fila da imigração até todos os outros momentos!
  3. A futura mamãe nunca deverá ir sozinha a nenhuma loja ou shopping;
  4. Procurem ir aos shoppings logo pela manhã, de preferência assim que abrir!!!! O tempo vai passando e quando você menos espera… lotou! E lotou meeeeeesmo!!!
  5. Corram logo para as lojas mais cheias (Carter’s, Gap, Ralph Lauren…);
  6. Chinelinho ou flat, e uma roupa bem confortável!!!! Tenham sempre em mãos um casaquinho, porque nessa época começa a esfriar!
  7. Nos Estados Unidos, gestante NÃO tem prioridade. Vai pro fim da fila igual a todo mundo! 🙁
  8. Nessa época, vale ter cuidado dobrado com bolsa, carteira e sacolas de compra! Peça ajuda ao acompanhante!
  9. A pele fica mais seca, então andar sempre com creme para as mãos e lábios na bolsa!!!!!

E aí, vão se aventurar?? Se forem, por favor, tomem muito cuidado e procurem seguir as nossas dicas. E quando voltarem, venham contar como foi. Assim a gente melhora ainda mais as dicas pro ano que vem! 😉

Alfândega! E agora???

 

alfândega

Uma das maiores preocupações de quem está viajando para fazer o enxoval do bebê nos EUA é a temida e famigerada alfândega! Gente, vocês não fazem ideia de quantas mensagens nós recebemos todos os dias de pessoas querendo saber como não passar aperto na hora de passar pela alfândega com as compras do enxoval. “O que eu faço pra não ser parada”? “Se me pararem vão cobrar pelos itens do enxoval”? “Que tipos de bagagens são mais visados pelos agentes”? E a resposta para todas as perguntas é a mesma: depende!

Muita coisa mudou nos últimos 2 anos e os agentes têm sido cada vez mais inflexíveis. Antes, produtos trazidos para enxoval de bebê eram liberados e os casais não precisavam pagar impostos pela entrada desses produtos no Brasil. Mas as coisas realmente mudaram e estão taxando tudo!!!! Por isso, recomendamos que vocês sejam o mais prudentes e conservadores possível nessa questão. Vamos colocar as dicas sobre alfândega em tópicos, pra ficar mais fácil de vocês se organizarem:

  • A cota para trazer em produtos dos EUA é de U$ 500,00. Você tem mais U$ 500,00 de cota para utilizar no Duty Free do Brasil no seu retorno;
  • Recomendamos que vocês declarem os ítens que excederem a cota. Tudo o que vocês comprarem entra na cota, então coloquem na cota os ítens menos chamativos e declarem no excedente aqueles que chamarem mais atenção, como carrinho, cadeirinha de alimentação, etc. Recomendamos que tudo o que exceder a cota seja realmente declarado, pois o imposto cobrado corresponderá a 50% do valor dos ítens. Se não declararem e forem parados, o imposto cobrado será equivalente a 100% do valor dos ítens! Achamos que não vale o risco;
  • Levar parentes e amigos na viagem pode ser uma boa idéia, pois vocês podem “pegar carona” na cota deles;
  • Cuidado com quantidade de itens iguais, devem ser MENOS que 10!!!!
  • Apenas para reforçar, a multa para quem for pego na alfândega e NÃO declarar é muito alta, ou seja, não vale à pena arriscar! O transtorno é muito grande!!!
  • Para efetuar o pagamento do imposto, é aceito apenas cartao de debito ou dinheiro;
  • Se estiverem fazendo conexão e tiverem bagagens frágeis, que foram enroladas no Protect Bag, recomendamos que antes do novo check in enrolem de novo;
  • Por fim, confiram a sua bagagem ainda no desembarque, porque se vocês perceberem que tem alguma coisa errada já fora do aeroporto, a cia aérea NÃO se responsabiliza!!!!!

Enfim, talvez algumas pessoas tenham imaginado que o nosso post sobre a alfândega fosse ensinar “macetes” para não ser parado ou não ter que pagar o imposto. Mas quem já nos acompanha nos conhece o suficiente pra saber que temos um compromisso com as coisas que consideramos corretas. Não existe nenhuma forma dentro da legalidade que nos isente de pagar os impostos quando trazemos produtos de fora para o país. Alguns resolvem arriscar e às vezes conseguem. Outros acabam pagando um preço alto. Nós mesmos, sempre declaramos tudo quando vamos e voltamos! Além disso, não colocaríamos nada aqui que pudesse colocar vocês em situação de risco, queremos que façam uma viagem ótima, proveitosa, tranquila, e que tenham um retorno tranquilo também! 😉

Não deixem de ver também o nosso post sobre o desafio das bagagens!! Para visualizar o post, clique aqui!